domingo, janeiro 06, 2013

SALVANDO A COLHEITA

Tem épocas que a gente vai para a chácara e volta quase de mãos abanando, um pezinho de alface aqui, uns limões ali e nada mais. Final de semana passado porém, a colheita foi farta. Muita uva, milho, mangas, várias maçãs, cebolas e pimenta comari.

Apesar de distribuirmos parte da colheita para os amigos e parentes, ainda sobrou bastante aqui em casa. Como a gente acompanha o plantio, ajuda a cuidar, espera o crescimento, os frutos e fazemos a colheita, sabemos o trabalhão que isso tudo dá e ficamos muito tristes quando algo estraga. Por isso essa semana foi de correria para darmos conta de aproveitar ao máximo tudo que pudemos e nessas horas a internet é uma grande aliada. 

Dessa vez eu fiquei só na parte do congelamento, o resto foi meu marido quem fez, inclusive a colheita da semana, porque eu estava viajando. Mas não pensem que é sempre assim não, difícil ele estar com esse espírito cozinheiro.

Descobri na internet que é possível congelar uvas para fazer suco ou bolos. É só colocar em uma forma e depois de congeladas, desprender os grãos do cachos e acondicionar em sacos plásticos. Com esse calorão eu descobri um outro uso para elas, pegar as bolinhas congeladas e colocar na boca. Elas descongelam rápido e a casca sai fácil. Super refrescante.


 Sobraram algumas mangas que meu marido descascou e picou. Congelei em aberto e depois coloquei em saquinhos. São ótimas para suco. Ano passado eu bati no liquidificador antes de congelar mas acho que assim é mais prático. Ficam deliciosas se batidas com suco de laranja.


 O canteiro de cebolas também surpreendeu na produção e as últimas que colhemos estavam pequeninas, então viraram picles com cenoura e pimentão. Essa também foi produção do marido.


 Uma parte do milho foi consumida cozida, com outra meu marido fez curau (ainda não provei) sobraram algumas espigas que vão virar refogado com banana, queijo fresco e farinha de milho. 
 A pimenta comari com alho na cachaça também foi obra do marido.
 O bolo fui eu quem fiz, tínhamos umas 10 maçãs da chácara, algumas bem pequenas, outras com partes estragadas e todas bem azedinhas, separei tudo que estava bom e fiz aquele bolo maravilhoso da Rita Lobo que já mostrei AQUI. Ficou ótimo.
 E para terminar, isso não tem nada a ver com a chácara, hoje fiquei surpresa com as batatas de tulipa. Há alguns meses eu comprei um vaso e quando as flores murcharam eu cortei a haste e abandonei o vasinho em um canto, imaginando que as batatas não brotariam de novo. Pelas cascas marrons, como se vê na foto, achei que tinham apodrecido e hoje tive a grata surpresa de vê-las assim. Não sei se darão flores mas só de ver os verdinhos já fiquei contente. Coloquei o vaso no banheiro que é o lugar mais fresco e bem iluminado da casa. Vamos ver no que vai dar.
bja a todos e uma ótima semana.

6 comentários:

  1. Oi Maria Amélia
    Adorei o post pra mim é uma novidade congelar uvas e manga,vou guardar essa valiosa dica.
    As vezes ao fazermos a feira acabamos comprando demais,assim com esse essa dica não desperdiçamos as frutas e tbm os legumes.
    Tenha uma ótima semana
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Amei seu blog, de muito bom gosto!

    ResponderExcluir
  3. Mais um ano passou... é... passou rápido!! Podemos parar e examinar o que aconteceu nesses últimos 365 dias, mas eu prefiro não pensar nisso... o que devemos fazer é olhar os próximos dias... e apenas visualizar o que queremos que esteja reservado para nós dentro de cada um deles... É assim que um ano feliz é feito: de esperanças...

    Mais um ano se passa e juntos podemos comemorar a virada de um novo tempo, de encher nossos corações de esperanças, de dizer adeus ano velho, feliz ano novo.
    E mesmo com todos os obstáculos que a vida nos prepara, conseguimos superar as barreiras e passar para este outro ano que com certeza será melhor. Desejo que esse ano seja um ano de realizações, que você consiga atingir todas as suas metas e que seja um ano de muita paz, saúde e alegria.

    Feliz ano novo

    ResponderExcluir
  4. Bom dia Mamélia,
    voltando aos poucos...
    deve ser uma sensação gostosa: plantar e colher.É o milagre da vida: jogar a semente e ver nascer.
    e depois transformar tudo isso em coisas gostosas.
    Beleza pura!
    Bom saber que os bulbos das tulipas podem germinar, sempre jogo fora osbj vasos, agora darei um tempo pra ver isso acontecer.
    Fico esperando o resultado.
    bjão e um ótimo começo de semana
    Mari

    ResponderExcluir
  5. Olá,

    Que beleza tuas postagens! Sou super fã das coisas naturais, espontaneamente prazerosas como cuidar, zelar por plantas e animais... Hoje estou num apartamento (gosto), mas não tenho a mesma lida diária que tinha, agora deixo minhas energias acumuladas para os fins de semana quando posso voltar os meus pés pro 'chão'!
    Abraço e feliz 2013.

    ResponderExcluir

Muito obrigada pelos comentários. Venham me visitar sempre!
Um abraço. Mamélia ;)


FEITO NO BRASIL